/Secretaria de Saúde organiza 1º Encontro dos Profissionais da Enfermagem

Secretaria de Saúde organiza 1º Encontro dos Profissionais da Enfermagem

Na manhã de hoje os profissionais da enfermagem da saúde pública de Brumadinho tiveram a oportunidade de participar do 1º encontro da classe, realizado no auditório da Secretaria de Educação. Já na chegada as equipes do PSF, UPA, Hospital e Policlínica foram recepcionadas com uma boa música, voz e violão de Sandro Max, enfermeiro que fez o público se sentir em casa.
Na abertura do evento o prefeito Nenen da Asa parabenizou e agradeceu aos profissionais, enfermeiros e técnicos de enfermagem pela dedicação ao trabalho. A presidente do Coren de Minas Gerais, Carla Prado, lembrou do trabalho da enfermagem de Brumadinho na ocasião do crime da Vale. Segundo ela, no primeiro momento, a única opção que o Conselho teve foi isentar os profissionais da anuidade de 2019. “Não fizemos nenhum favor, mas foi a maneira que a gente arrumou de ajudar. Para nós vocês são uns heróis”.
O secretário de Saúde de Brumadinho, Junio Araujo Alves agradeceu ao prefeito Nenen da Asa por destinar mais de 33% da arrecadação municipal para a saúde, o que não acontece na maior parte dos municípios e que faz a diferença na qualidade de saúde do município. O secretário prometeu diminuir a carga horária de todos os plantonistas da enfermagem, incluindo PSFs, de 40 para 30 horas, numa iniciativa conjunta com Nenen da Asa.

Palestras – O público assistiu a duas palestras, a primeira foi ministrada pelo enfermeiro Tarcísio Barbosa Ribeiro, Especialista em Terapia Intensiva e em Urgência e Emergência clínica e trauma, que abordou o tema “Os processos de trabalho no mundo moderno, desafios e possibilidades”. Já a segunda palestra foi proferida por Alexandre Ernesto, mestre e doutor na temática dos cuidados paliativos e humanização na assistência em saúde, que abordou “A sacralidade do cuidado e o sentido da vida”. As abordagens focaram na vivência dos profissionais do dia a dia no ambiente de trabalho, no trato com os pacientes e na diferença deles como profissionais e pessoas.